quinta-feira, 27 de maio de 2010

"Só vale levar a tecnologia para a classe se ela estiver a serviço dos conteúdos."

Esta frase ficou marcada na minha mente quando li na Revista Nova Escola, Edição 223/Junho,2009, p.144, Pedro Demo falar sobre as "Novas Tecnologias, Pressões e Oportunidades." Para ele, é impossível imaginar a vida sem as seguintes letrinhas: TICs, tecnologias da informação e comunicação. Deve-se, portanto, somar tecnologia e conteúdo para gerar oportunidades de ensino. Antes de citar as nove dicas para usar bem a tecnologia, ele faz uma ressalva na afirmativa de Marcia Padilha Lotito, coordenadora da área de inovação educativa da Organização dos Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura(OEI): "A tecnologia tem um papel importante no desenvolvimento de habilidades para atuar no mundo de hoje"; Demo contrapõe-se quando diz que a tecnologia em alguns casos, é dispensável e comenta: "Não faz sentido, por exemplo, ver o crescimento de uma semente numa animação se podemos ter a experiência real." Mesmo que a publicação do artigo tenha sido há quase um ano, as dicas, ainda, são aplicáveis.
Para nós, graduandos em Pedagogia, vale citar as seguintes dicas:
1 - O INÍCIO - Se você quer utilizar a tecnologia em sala, comece investigando o potencial das ferramentas digitais. Uma boa estratégia é apoiar-se nas experiências bem-sucedidas de colegas;
2 - O CURRÍCULO - No planejamento anual, avalie quais conteúdos são mais bem abordados com a tecnologia e quais novas aprendizagens, necessárias ao mundo de hoje, podem ser inseridas;
3 - O FUNDAMENTAL - familiarizar-se com o básico do computador e da internet...;
4 - O ESPECÍFICO - antes de iniciar a atividade em sala, certifique-se de que você compreende as funções elementares dos aparelhos e aplicativos que pretende usar na sala;
5 - A AMPLIAÇÃO - para avançar no uso pedagógico das TIC´s, cursos são oferecidos pelo Proinfo(programa de inclusão digital do MEC);
6 - O AUTODIDATISMO - a internet também ajuda na aquisição de conhecimentos técnicos;
7 - A RESPONSABILIDADE - ajude a turma a refletir sobre o conteúdo de blogs e fotologs;
8 - A SEGURANÇA - discutir precauções no uso da internet é essencial;
9 - A PARCERIA - em caso de dúvidas sobre a tecnologia, vale recorrer aos próprios alunos.

É intenção nossa, futuros pedagogos, massificar o acesso a internet, claro que havendo a preocupação com o conteúdo e a aplicação científica.

Grupo: Rosicleia, Período 3 - noite

8 comentários:

  1. Sem sombra de dúvidas cara colega de sala,o real próposito de que nós utilizemos de tal recursos é que eles estejem em prol da educação,ou seja,dos conteúdos da metodologia utilizada pelo professor que fará com que a tecnologia adotada esteje coerente com o seu próposito,concordo com voce e também me preoculpo com tais usos. Rosenilda Rodrigues 3ºpériodo,noite

    ResponderExcluir
  2. É verdade,o sentido de nós usarmos esse recurso é se ele irá servir para educação,aplicando assim todo um método e transmitindo assim para o aluno de forma clara.

    ResponderExcluir
  3. Sem sombra de dúvidas cara amiga,devemos levar para sala de aula,a tecnologia se ela estiver associada ao ensino,salientando que ,não podemos nos prender enquanto educador apenas a esse recurso.

    ResponderExcluir
  4. esqueçendo de citar meu nome no comentário a cima me chamo: Rosenilda Rodrigues,3º périodo noite

    ResponderExcluir
  5. Gicele - turno noite11 de junho de 2010 16:51

    Realmente não podemos levar essa ferramenta para a sala de aula sem sabermos o que realmente queremos ensinar e o que queremos que nossos alunos aprendam.

    ResponderExcluir
  6. Olá Rosi!!

    O que você nos transmite é essencial para que haja o entendimento de como o professor deve utilizar adequadamente as Tic’s, não só como um meio de nortear técnicas digitais, mas de desenvolver no aluno a capacidade de interação dos conteúdos, vinculados aos recursos tecnológicos disponibilizados pela escola.
    As nove dicas cedidas pela revista Nova escola e pronunciadas por Demo, são fundamentais para que nós estudantes de Pedagogia tenhamos uma ampla visão de como conduzir e transmitir os conhecimentos desencadeados pela tecnologia e pelos conteúdos compatíveis a ela. De fato, a matéria da revista nos proporciona uma nova consciência e reflexão a respeito dos passos que devemos seguir para a obtenção do aprendizado mútuo (professor-aluno).
    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  7. Adorei as dicas...Pois nos faz refletir um meio de levar o uso da tecnologia em sala da aula, mas de forma responsável. Muitos professores ainda se sentem meio perdidos por onde começar e como trabalhar, e este artigo é um bom ponto de partida para os iniciantes. Muito Bom !

    (Andreza Carvalho,Turma 303-noite)

    ResponderExcluir
  8. Janaina Farias 3° período noite18 de junho de 2010 06:56

    São excelentes as dicas que a reportagem traz, para se usar eficazmente o uso da tecnologia em sala de aula. Precisamos cada vez mais, ter informação sobre as várias maneiras de se usar a TICs para facilitar cada vez mais o ensino aprendizagem do educando.

    ResponderExcluir

Dialogue conosco, registre seu comentário