terça-feira, 11 de maio de 2010

Linguagem de programação.

Todos nós, seres humanos, temos um tipo de linguagem diferente, cada país com o seu idioma, que nos permiti comunicarmo-nos. Para o computador também existe um tipo de linguagem, pois, para se programar um algoritmo em um computador, é necessário descrevê-lo de uma forma que o computador seja capaz de executá-lo. Essa descrição é feita por intermédio de uma “linguagem de programação”. O próprio conjunto de instruções de um processador pode ser entendido como uma linguagem de programação. Para que o computador faça qualquer coisa é preciso “falar na língua” dele. A linguagem de programação é exatamente o que o computador entende. Considerando que tudo o que os computadores conseguem entender são sequências intermináveis de números binários.(GUDWIN, 1997)
O ensino pelo computador implica que o aluno, através da máquina, possa adquirir conceitos sobre praticamente qualquer domínio. "Para tal ensino é necessário basicamente quatro ingredientes: o computador, o software educativo, o professor capacitado para usar o computador como meio educacional e o aluno." (VALENTE, 1993, p. 1)
As linguagens de programação faz com que o aluno pense no que está sendo posto pelo computador. O saber não vem pronto pro aluno, ele constrói seu próprio conhecimento, sua autoaprendizagem.
Gabriela Maria G5- manhã 303,3º período

4 comentários:

  1. Hum... Gabi! Gostei. Super interessante!
    É bom lembrar esta questão de linguagem, pois muitas vezes nos prendemos a querer entender as coisas buscando o significado na nossa realidade de vocabulário, ou onde não vamos encontrar. Para tudo se tem um significado próprio e cada linguagem tem o seu ponto de referencia. Não iria ser diferente com a tecnologia ligada ao computador.

    ResponderExcluir
  2. Bem esclarecedor seu post, parabens.

    Patrícia Fernanda Souza Vasconcelos, manhã 303, 3° período.

    ResponderExcluir
  3. Kenia Karla G 2 3º Período Manhã12 de maio de 2010 19:08

    Gabriela desses quatro ingredientes básicos que vc citou, ao meu ver o professor é o ingrediente mais importante pois depende dele articular de maneira proveitosa o conteúdo com as ferramentas oferecidas pelo computador. Pois para que o aluno venha construir seu proprio conhecimento através das ferramentas disponíveis na Web ele terá que usar essas ferramentas direcionando para a construção do saber e não apenas para diversão.

    ResponderExcluir
  4. Tuana Porto - Turma 02 (tarde) - grupo G715 de maio de 2010 09:58

    Interessante! acho ótimo que aluno possa construir seu próprio conhecimento.. mas tbm acho que o professor deve ser um forte mediador dessa autoaprendizagem!

    ResponderExcluir

Dialogue conosco, registre seu comentário