sábado, 19 de junho de 2010

INCLUSÃO DIGITAL

INCLUSÃO DIGITAL

Laboratório vai beneficiar 180 usuários do instituto dos cegos

Autor: João Paulo Medeiros

À tarde de ontem foi de festa e satisfação para quem enfrenta problemas visuais em Campina Grande e são atendidas pelo instituto dos cegos do município. Um laboratório com seis computadores e vários equipamentos de informática foi inaugurado na entidade e a partir de hoje irá dar oportunidades às pessoas com deficiência visual de estarem “plugadas”, por exemplo, à rede mundial de computadores. A iniciativa foi fruto de uma parceria entre a instituição e a 2º Vara do Trabalho campinense.

Durante a inauguração, o juiz Normando Leitão Salomão destacou a importância do novo centro para jovens que são atendidos pela entidade. “Essa iniciativa vai beneficiar centenas de jovens e crianças que participam das atividades desenvolvidas no instituto”, disse o magistrado. Diretamente, 180 pessoas vão usufruir dos novos equipamentos.

Para montar o laboratório foram investidos R$ 35 mil, sendo R$ 30mil proveniente de doações feitas pela justiça e cujos recursos foram oriundos de causa trabalhistas, e o restante de recursos do instituto. “Essa ação vai ajudar os nossos alunos a ter contato com a cultura e com o conhecimento”, salientou Adenise Queiroz, superintendente do instituto.

O laboratório também possui impressora e aparelhos específicos para leitura e impressão em Braille. A solenidade inauguração aconteceu na sede da entidade, onde funcionará o laboratório, na Rua João Quirino, no bairro do Catolé.

Fonte: Jornal da Paraíba, Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010
MIRIAM DA SILVA BEZERRA, 3º PERÍODO - NOITE

14 comentários:

  1. Parabéns, pela sua postagem Miriam,muito bom pensarmos como será trabalhar toda essa tecnologia com quem tem problemas especiais.Muito feliz de sua parte trazer um pouco disso para nós.
    Rosenilda Rodrigues,3º período noite.

    ResponderExcluir
  2. Concordo é, de fato, importante pensarmos nas chamadas "tecnologias assistivas”, as quais estabelecem a inclusão dos deficientes, também nesta nova perspectiva de educação (a tecnológica).
    Géssica Romão, 3° período, noite.

    ResponderExcluir
  3. Mª da Conceição Rabelo 3º P Noite20 de junho de 2010 07:55

    Realmente está iniciativa é muito significante para a inclusão digital, sendo este um bom começo para integrar todos no mundo virtual.

    ResponderExcluir
  4. Fico feliz por mais uma iniciativa da prefeitura de Campina Grande para a inclusão digital. É de grande importância todo esse investimento em máquinas e equipamentos, haja vista o aproveitamento dos individuos será de grande valia, proporcionando assim uma formação em que os sujeitos sejam conhecedores de sua realidade através das novas tecnologias, o que é um grande avanço, para a cidade de Campina Grande.
    Parabéns Mirian por ter postado essa reportagem do Jornal da Paraíba.

    ResponderExcluir
  5. Mírian - Pedagogia noite-3ºp.21 de junho de 2010 14:46

    Muito bom saber que a inclusão esta sendo de fato colocada em prática,é atravéz de ações como essa que, podemos pensar que a tecnologia veio pra fazer a diferença.

    ResponderExcluir
  6. Interesante esta reportagem, e bom sabermos que a inclusão também esta sendo na área tecnológica, mostra que de certa forma estamos preocupados com a inclusão das pessoas com necessidades especiais em nossa sociedade, que a cada dia esta mais ligada a tecnologia.

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito de sua postagem Miriam, assim podemos ver que existem pessoas interessadas em promover a inclusão daqueles com necessidades especiais, fazendo com que se sintam capazes como todos os outros ditos normais.
    Ana Cláudia Ribeiro da Silva Brito, 3º período , noite

    ResponderExcluir
  8. Muito bom essa inciativa de Campina Grande, por que boa parte dos deficientes visuais não tem renda sufuciente para comprar um computador adaptados para eles... Pelo menos aqui na UFPB conheço deficientes visuais e eles tem um apoio da do pessoal do Nedesp que eles imprimem em braile!!
    Parabéns pela postagem!!

    3ºperíodo/ tarde/ g3

    ResponderExcluir
  9. Grace 3° Período Noite22 de junho de 2010 14:49

    A prefeitura esta de parabéns em se preocupar com a inclusão digital para pessoas especias, esse é o caminho para uma educação igual para todos.

    ResponderExcluir
  10. A inserção da informática no ambiente escolar faz-se necessária, permitindo o acesso dos indivíduos a um bem cultural que deveria ser disponível para todos. Cabe à escola pública propiciar às crianças e jovens a apropriação dessa tecnologia. É preciso haver investimento por parte das autoridades governamentais na melhoria da educação pública, que vise à formação de uma geração capaz de competir no mercado de trabalho e, sobretudo, na sociedade globalizada.

    Queli Rodrigues Dantas – aluna do 3°periodo – noturno.

    ResponderExcluir
  11. Faz-se oportuno, sempre trazer a debate a questão de Inclusão Digital, pois esta deve, continuamente, ter seus horizontes voltados, não só para estudantes de escola pública, outras etnias, mas também a deficientes visuais e portadores de outras deficiências, pois estes sofrem com a omissão da própria sociedade. Por tanto, não devemos fechar nossos olhos aos outros, mas, também, voltar nossos olhares para estes.

    Petrônio Pereira. 3ºP - Noite

    ResponderExcluir
  12. Maria Janicleide dos Santos, 3°período ,noite27 de junho de 2010 17:06

    A inclusão digital já é uma atitude admirável paras as pessoas que não tem acesso constante a essas tecnologias, e imagina para aqueles que tem a dificuldades visuais. Muito interessante essa iniciativa do municipio de Campina Grande,excelente postagem Miriam.

    ResponderExcluir

Dialogue conosco, registre seu comentário