quinta-feira, 29 de abril de 2010

Jogos Virtuais: Second Life

O sencond life é um simulador da vida real, sem limitar sua criatividade, pois o jogo virtual possibilita ao integrante interagir com outros jogadores de diferentes lugares e criar seus objetos utilizando seu avatar. Tudo em modelagem 3D.
O fundamento do jogo é incentivar o modo de sobrevivência, ou até mesmo, uma forma de realização pessoal daquilo que não é possível na vida real, mas é permitido viver no mundo virtual. Além do que o Second Life possui sua própria moeda Linden dollar. O jogo estimula a criatividade de uma vida consumista, além de possibilitar a posse de objetos é possível também modificar a estética do jogador, ou seja, significa traçar uma vida paralela à sua vida na tela de um computador ,vivenciando tudo aquilo que você deseja fazer num mundo real, e é isso que torna os usuários desses mundos virtuais dependentes desses jogos. O jogo é uma saída para a concretização de seus sonhos. Além disso, os jogadores podem compartilhar suas experiências e construir bens em conjunto.

9 comentários:

  1. Muito boa essa reportagem!!!
    Inclusive assisti ela no JPB-1ªedição,quarta-feira 28/04/2010. É fascinante...

    Turma 02/Sala 301/ 3º Período/ Tarde

    ResponderExcluir
  2. layane gonçalves30 de abril de 2010 15:28

    Muito bom!!!é impressionante esses jogos.

    ResponderExcluir
  3. Muito legal o jogo, mas fico refletindo até que ponto esse tipo de jogo pode ser proveitoso para as pessoas em geral?
    Hoje em dia já se fala muito que principalmente os adolescente e jovens estão deixando suas vidas em sociedade para estarem emorkut e jogos eletronicos. Imaginem um jogo que retrata a vida real? Será que as relações sociais/pessoais não vão ser perdidas? As pessoas vão deixar de se interagirem pessoalmente para se interagirem pela tela de um PC. Na minha opinião jogos desse tipo afasta as pessoas(digo quando se exagera).
    Gabriela Maria, 303 manhã, 3º periodo

    ResponderExcluir
  4. Gabriela,
    Você levantou elementos improtantes para a discussão sobre a participação das pessoas em mundos virtuais. Precisamos como educadores pensar que modificações essas práticas provocam na forma de ser, agir, pensar, sentir e viver das crianças e dos jovens. Como vamos abordar essas questões em sala de aula? Devemos nos preocupar com isso? Qual o papel da escola neste contexto?
    Vamos discutir pessoal!

    ResponderExcluir
  5. Realmente este jogo retrata uma vida ireal e que quando comparada a realidade passa a ser distorcida. O jogo quando pensando no ambiente escolar deve trazer elementos bases para que a aprendizagem seja significativa.

    Kaliane, 3º periodo manha

    ResponderExcluir
  6. muito bom bom este jogo ,mais não podemos nos prender a ele .pois ele é discontraido mais sempre tem que ter uma atenção para não envadir nossa mente de forma que nos prejudique.

    cristiane do terceiro período manhã

    ResponderExcluir
  7. second Life, é um mundo virtual muito interessante, e pode ajudar muito na construção do saber principalmente das crianças, mas é necessário ficar de olho, para que esta viagem virtual seja esquecida e acabe se tornando mundo real! Assim se não tiver o cuidado, acaba sendo prejudicial...
    Roberya Viana / 3º Período / G6 / turma 2 - tarde

    ResponderExcluir
  8. Realmente estes jogos virtuais são simulações tão reais, que quando jogados podem de fato viciar os seus usuários...
    Um triste exemplo disto foi um casal da Coréia do Sul que deixou seu filho morrer de fome enquanto cuidava de sua bebê virtual.
    Acredito que nós enquanto educador@s precisamos nos manter atualizadas também sobre estes jogos virtuais que nossos alunos estão utilizando. É preciso conscientizá-los e ajudá-los a manterem uma posição crítica, mesmo quando o assunto for diversão.

    Para saber mais sobre esta notícia...
    http://oglobo.globo.com/tecnologia/mat/2010/03/05/casal-deixa-bebe-morrer-de-fome-enquanto-cria-filha-virtual-na-internet-915995366.asp

    ResponderExcluir
  9. Janaina Farias 3° período noite18 de junho de 2010 06:40

    Esse jogo é bastante interessante pois simula várias atividades, e o jogador pode interagir com outros participantes. Mas nos como educadores precisamos conscientizar nossos alunos, sobre quais contribuições esses tipos de jogos trazem para nossa vida.

    ResponderExcluir

Dialogue conosco, registre seu comentário